sábado, 1 de novembro de 2014

Santos da casa

Esta foi a primeira fotografia que me tiraram. Tinha 24 dias de vida quando fui baptizado, faz hoje 34 anos, e na altura ainda não havia a febre das fotografias logo na maternidade, ou os meus pais não a tinham (ou terei sido adoptado?). Fotógrafo-maníaco que me tornei ("se não foi fotografado é porque não aconteceu"), não deixo de achar uma graça simbólica a isto, como se só tivesse começado a viver realmente neste nascimento para os sacramentos, no dia em que se comemoram os santos anónimos.
Entre os lá de casa, pais e irmãos-padrinhos, mantemos o hábito de dar os parabéns pelo aniversário de baptismo, e durante muitos anos tinha até direito a bolo - somos católicos nerds, com muito gosto!
Enviar um comentário